Últimas Notícias

Reciclanip estará presente na 2ª Conferência Logística Reversa, Reciclagem e Gerenciamento de Resíduos

Voltar

A Reciclanip, entidade sem fins lucrativos, participa a 2ª Conferência Logística Reversa, Reciclagem e Gerenciamento de Resíduos que acontecerá nos próximos dias 22 e 23 de outubro (terça e quarta-feira) em São Paulo.  O objetivo é mostrar que o procedimento é um dos instrumentos essenciais da Política Nacional de Resíduos Sólidos. É nela que se deposita grande parte da responsabilidade de se alcançar as ambiciosas metas da Política, respeitando-se a hierarquia da gestão de resíduos estabelecida pela lei. De acordo com a lei, esse instrumento - que viabiliza a coleta e a devolução de determinados resíduos sólidos ao setor produtivo - aplica-se a todos os tipos de resíduos.

 

O coordenador da Reciclanip, Cesar Faccio, irá abordar temas como: O Programa Nacional de Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis da Anip e sua história, a resolução nº 258 do Conama e a estratégia do setor e desempenho atual da logística reversa de pneus inservíveis no Brasil.

 

“Para nós é uma grande satisfação  desta conferência pois no dá mais uma vez a oportunidade de explicar o nosso trabalho e apresentá-lo de maneira clara e transparente para a sociedade ”, explica coordenador da Reciclanip.

 

Confira abaixo mais informações:

 

11h30 -22.10 (terça-feira) - Logística reversa de pneus inservíveis – Local: Hotel Mercure - SP

 

 

O Programa Nacional de Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis da Anip e sua história

A resolução nº 258 do Conama e a estratégia do setor

Desempenho atual da logística reversa de pneus inservíveis no Brasil

 

Cesar Faccio

Gerente Geral

RECICLANIP - Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos

 

Hotsite da conferência: http://www.paginasustentavel.com.br

 

SOBRE A RECICLANIP

 

Fundada em 2007, a Reciclanip é uma instituição sem fins lucrativos, criada pelas empresas que produzem pneus no Brasil para cuidar exclusivamente das ações de coleta e reciclagem, que já eram realizadas desde 1999 devido ao Programa Nacional de Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis.  As atividades da entidade atendem a resolução 416/09 do CONAMA, que regulamenta a coleta e destinação dos pneus inservíveis no Brasil.

 

Seguindo o modelo de gestão de empresas europeias, com larga experiência na coleta e destinação de pneus inservíveis, a Reciclanip é diferente no quesito remuneração. Em outros países, as empresas são pagas pelos vários agentes da cadeia produtiva para cobrir as despesas operacionais e garantir a destinação de pneus inservíveis. Os consumidores europeus, quando compram novos pneus para seus veículos, por exemplo, são obrigados a pagar uma taxa para a reciclagem dos pneus velhos. Aqui no Brasil, os fabricantes de pneus novos, representados pela ANIP, arcam com todos os custos de coleta e destinação dos pneus inservíveis, como transporte, trituração e destinação.

 

Desde 2007, a entidade já recolheu e destinou de forma ambientalmente adequada 2,37 milhões de toneladas de pneus inservíveis, o equivalente a 474 milhões de pneus de passeio. Desde então, os fabricantes de pneus novos já investiram mais de US$203,20 milhões.

 

PONTOS DE COLETA

Os 808 pontos de coleta estão distribuídos em todos os estados e Distrito Federal e foram criados em parceria com as prefeituras, que cedem os terrenos dentro das normas especifica de segurança e higiene para receber os pneus inservíveis vindos de origens diversas. O responsável pelo Ponto de Coleta comunica a Reciclanip sobre a necessidade de retirada do material quando atinge a quantidade de 2.000 pneus de passeio ou 300 pneus de caminhões. A partir daí, a Reciclanip programa a retirada do material com os transportadores conveniados. Para saber onde levar os pneus inservíveis é só consultar a lista com todos os pontos de coleta que está no site www.reciclanip.org.br.

 

Continuar Lendo